(+01) 112 345 6789
+


Aprendendo o número 1

Esta atividade educativa tem como objetivo explorar, de forma lúdica, conceitos básicos de matemática e a sua importância no meio social. Além de estimular o raciocínio lógico estabelecendo relações entre quantidades e números, este material também permite o desenvolvimento de conceitos numéricos por meio da expressão oral e grafia dos números. Pais e professores podem utilizar esta atividade como mais um recurso didático para o desenvolvimento do raciocínio lógico-matemático das crianças em idade pré-escolar.

Aprendendo o número 1 - atividade educativa para Creche (0 a 3 anos)

Sugestões de Trabalho

  • Organize os alunos em uma roda e converse com eles sobre os números ao nosso redor e sua importância no dia a dia. Levante questões como "Na sala de aula, onde podemos observar números?", "E na cidade, onde podemos encontrar números?", etc.
  • No parque ou na sala de aula, faça o contorno do número 1 com fita crepe ou giz de lousa e peça aos alunos que andem sobre o seu contorno. Peça também que façam sinal com a mão especificando o número 1.
  • Confeccione o número 1 em E.V.A. ou papel cartão e proponha às crianças uma brincadeira de colagem utilizando papel picado, cola colorida, algodão, etc. para cobrir o número 1. Explore a relação entre o número e a quantidade. Se possível, aproveite para explorar outros conceitos que você já trabalhou.
  • Oriente a turma para a realização da atividade proposta na ficha. Peça que tracem o número 1 seguindo o pontilhado e, em seguida, utilizando a contagem circulem os grupos que contém apenas um elemento no grupo.
  • Trabalhe com músicas relacionadas aos números, como exemplo sugerimos as músicas "Os Números", "Mariana Conta", "Indiozinhos". Destaque o refrão da música que fala sobre o número em estudo.
  • Utilizando diferentes materiais e brinquedos como lego, massinha de modelar ou tampinhas de garrafa, peça às crianças para fazerem o traçado do número 1.

Eixos de Trabalho


EIXO DESCRIÇÃO DO CONTEÚDO
Artes Visuais Exploração e manipulação de materiais, como lápis e pincéis de diferentes texturas e espessuras, brochas, carvão, carimbo etc.; de meios, como tintas, água, areia, terra, argila etc.; e de variados suportes gráficos, como jornal, papel, papelão, parede, chão, caixas, madeiras etc.
Linguagem oral e Escrita Uso da linguagem oral para conversar, comunicar-se, relatar suas vivências e expressar desejos, vontades, necessidades e sentimentos, nas diversas situações de interação presentes no cotidiano.
Matemática Utilização da contagem oral, de noções de quantidade, de tempo e de espaço em jogos, brincadeiras e músicas junto com o professor e nos diversos contextos nos quais as crianças reconheçam essa utilização como necessária.
Matemática Utilização da contagem oral nas brincadeiras e em situações nas quais as crianças reconheçam sua necessidade.
Matemática Comunicação de quantidades, utilizando a linguagem oral, a notação numérica e/ou registros não convencionais.
X